Colunista - Dr. Sílvio Lopes de Almeida Neto

O DOCE SABOR DE MEL

Por Dr. Sílvio Lopes de Almeida Neto

08/05/2018

Bom dia! Papai, mamãe, meus irmãos titio e titia. Ontem meu coração batia perto de vocês, humanos. Eu fui mamãe, aquela cadelinha que vocês amaram tanto. Bem sei que talvez vocês, e principalmente você mamãe, possam não acreditar, mas eu adorava quando você me colocava de frente à televisão para que eu assistisse "Todos os Cães Merecem O Céu". Não derramem por mim tantas lágrimas quanto o titio Silvinho, está derramando quando está escrevendo para mim. Hoje, a minha caminha, meu cobertozinho que você mamãe e aquele "chato" do meu tio insistia em me cobrir está vazia. Não sejam tão idiotas assim, eu sei que eu fui amada, muita amada por todos. Eu sei que distribui a todos vocês as maiores alegrias que vocês tiveram. Você mamãe, detestava e eu também que aquele tio "chato" me apertasse e me abraçasse, eu corria dele para me agasalhar nos teus braços, mas lá no fundo da minha alma, e eu tive alma, tanto é verdade que meu corpinho velhinho, bem velhinho agora depositado sob a lajea fria, me encontro aqui sorrindo. Ao lado das criaturinhas de Deus. Sei que não vou poder mais lamber seu rosto mamãe Silvia, nem correr pela casa, acompanhar as alegrias e as tristezas de cada um de vocês, eis o mistério que agora, consigo entender. Não fiquem tristes, não derramem lágrimas por essa coisinha amada que eu fui na vida de vocês. Eu estou aqui, bem ao lado daqueles que foram amados por vocês. Fui muito amada, agora continuo sendo amada e protegida pelos meus anjos, pelo meu criador, estou feliz por ele ter me dado o presente de ser de vocês, jamais os esquecerei. E lembrem-se aí na terra, de que a única coisa que vale a pena é o amor. Adeus, até um dia minha família. Eis a mensagem de quem vocês com todo carinho cuidaram, me amaram e me chamaram de MEL! 

 

Dr. Sílvio Lopes de Almeida Neto é um renomado advogado com vinte e cinco anos de atuação na área criminal. Ele adora defender seu semelhante e, além dessa bonita profissão, gosta de escrever crônicas nos momentos de lazer. Ele é casado com a rioesperense Drª Sara Miranda, reside na maravilhosa cidade de Rio Espera e é colunista em nosso portal de notícias.